Limite do desconto simplificado imposto de renda pessoa física

Há duas opções de declaração: simplificada e completa. Em ambos os casos, são necessários os seguintes documentos:

- Rendimentos da empresa onde trabalha ou onde trabalhou;

-  Aplicações financeiras dos bancos onde tem ou teve conta;

-  Recibos de gastos médicos, educação etc.

As principais diferenças entre os dois tipos de modelos estão resumidas abaixo:

Modelo Simplificado:

As declarações simplificadas podem ser feitas por qualquer contribuinte. Contudo, esse modelo às deduções são substituídas por um desconto padrão de 20% sobre os rendimentos tributáveis, desde que o desconto não ultrapasse o valor de R$ 13.317,09.

Importante!!

O modelo simplificado é mais indicado para pessoas que não possuem muitas deduções. Ao preencher o modelo simplificado, você terá de informar o CNPJ ou CPF da sua principal fonte pagadora, devendo também indicar os rendimentos das fontes.

Modelo Completo:

Agora, se você não se enquadra no modelo simplificado,  tem muitas deduções a fazer, muitos gastos, poderá então, declarar o imposto da maneira completa. Neste caso é necessário informar todos os gastos e rendimentos ocorridos durante o ano.

Importante!

O total das suas deduções exceder o limite de R$ 13.317,09, sua melhor opção é fazer a declaração completa.

Opte pelo modelo completo, porém, não deixe de guardar os comprovantes de rendimentos e das despesas por cinco anos, no mínimo, prazo durante o qual a Receita Federal pode pedir a comprovação das deduções se existir suspeita de sonegação.

Postagens Relacionadas

Bookmark and Promote!

Deixe Um Comentário

Enviar